"Guia de Bolos - Parte 1 - Naked Cake"

Há algum tempo quero escrever, explicar (meu lado professora aflorando) e também postar várias fotos dos bolos de casamento que fizemos nos últimos anos. Vou começar pelos naked cakes, campeões de pedidos.

É um modelo desafiador, pois é todo verdadeiro, nada de andares de isopor. É possível ver os recheios e há necessidade de simetria (largura e altura dos andares). A decoração também não pode pecar pelo excesso e esconder todo o bolo. Frutas e flores devem ser colocadas uma a uma, observando-se novamente o tamanho e simetria.

Sempre me perguntam sobre a montagem e decoração dos bolos grandes e altos e respondo que faço no local, pois, na minha opinião, o maior ponto crítico da confecção de bolos é o transporte. Levando os andares desmontados, não há possibilidade de acidentes.

Sobre o sabor, sempre ressalto a importância de degustar/provar antes de escolher. Dependendo da técnica utilizada o bolo fica seco. E nada mais decepcionante que um bolo lindo e sem gosto, aquele monte de pratinhos com bolo sobrando. O ideal é utilizar calda molhando todas as camadas de massa e dividir cada andar em, pelo menos, 4 camadas de bolo e 3 camadas de recheio generoso.

Ainda sobre o tópico do sabor, recheios e caldas com menos açúcar e mesclando com frutas ácidas e chocolate com maior teor de cacau, são muito gostosos e não saturam o paladar. Utilizo sempre a fava e o extrato da fava de baunilha, que dão um toque especial (e sabor muito diferente das essências artificiais). A compota é feita apenas com frutas frescas (morangos, framboesas, amoras e mirtilos) e pouco açúcar, fica levemente ácida e combina perfeitamente com a baunilha, limão siciliano, chocolate belga, amêndoas, etc. Não uso nenhum tipo de conservante ou emulsificante artificial, pois acredito que, além de não serem saudáveis, prejudicam o sabor. Na minha cozinha também não entram cremes de gorduras vegetais (o tal do chantilly vegetal, que de chantilly não tem nada), pelo mesmo motivo.

Escolhi fotos com diversos sabores e tipos de decoração, pois o naked cake é muito versátil e combina com qualquer tipo de recepção e horário. Tem um apelo muito forte pois é todo verdadeiro (o cheiro é delicioso) e os convidados ficam loucos para provar e repetir! 


Bolos de três andares decorados com frutas vermelhas

O primeiro bolo é a nossa versão do "red velvet cake" com massa vermelha e recheios também de frutas vermelhas, o segundo leva a groselha, fruta muito delicada (que infelizmente só é encontrada em setembro e dezembro) e o terceiro leva essa frutinha amarela, a physalis (encontrada praticamente o ano todo).

Os três acima, também decorados com frutas vermelhas. Normalmente morangos, mirtilos (blueberry) e um tipo de framboesa ou amora são encontrados o ano todo. As cerejas são encontradas em julho e no final do ano. Estes foram recheados com o nosso campeão de pedidos, cada andar leva uma camada de compota de frutas vermelhas, creme de limão siciliano e creme de fava de baunilha.

Bolos decorados com flores

Os naked também ficam lindos com flores, acima 3 modelos com rosas, sendo que o segundo teve massa e recheio de chocolate belga.

Rosas de cores mais fortes também ficam lindas!

As margaridas e flores secas dão leveza quando misturadas às frutas.

O primeiro bolo leva flores comestíveis (são encontradas em poucos meses do ano) e o segundo as clássicas rosas brancas e o terceiro com astromélias roxas.

As orquídeas também ficam lindas mescladas com frutas vermelhas!

Mais três modelos com massa e um dos recheios de chocolate belga

Obs: Bolos de 3 andares normalmente pesam de 12 a 15 kgs e servem de 250 a 400 pessoas.

Fotos Ana Cristina Paiva, a publicação destas sem este texto, em qualquer meio de comunicação, requer permissão.


8 comentários:

Giovanni O. disse...

Ana, seu trabalho é muito belo, e saboroso, lógico. Parabéns por tudo. Sucesso sempre.

PATRICIA ANDRADE disse...

São obras de arte! Parabéns Ana!

Fabiana Serrate disse...

Ana, você dá curso de Naked Cake?
O seu trabalho é primoroso! Fico encantada com seus bolos. Uma grande inspiração.

Ana Cristina disse...

Obrigada Pat e Gigi!!!!

Ana Cristina disse...

Fabiana, que bom que gosta! Os cursos são um projeto para o futuro. Abços!

Ana Cristina disse...

Daniele, o ideal é o uso de rosas de cultivo orgânico ou SAT (sem agrotóxico. Há uma preparação sim, todas são limpas, desinfetadas e cabinhos encapados, por causa da segurança alimentar. Abços!

Camila Castro disse...

Olaaa... adorei seu trabalho.... Gostaria de um orçamento... me passa seus contatos por gentileza? :)

Ana Cristina disse...

Oi, Camila! Tudo bem? Que bom que gostou, fiquei feliz demais! Para orçamentos, por favor, me envie um email com os dados:

data exata
local de entrega
nº de convidados

e qualquer dúvida que vc tenha. anacristinabpaiva@yahoo.com.br. Abços!

"O açúcar refinou o paladar brasileiro, dando-lhe densidade histórica por intermédio dos doces e bolos"

Gilberto Freyre

Recheios de bolos

Creme de limão siciliano, creme de baunilha, compota de frutas vermelhas, creme de nozes, doce-de-leite com nozes, doce-de-leite com ameixas, baba-de-moça, brigadeiro gourmet de chocolate (ao leite, meio amargo e branco), creme de côco com calda de laranja, creme de castanha, creme de castanha com cachaça e laranja, creme de amêndoas, "cream-cheese", creme de maracujá, creme de caipirinha com limão siciliano